12 abril, 2013

Estou a precisar dos meus dias de sol. De acordar a "sofrer" e a "ralhar" comigo mesma, sobre o estado da temperatura, a deixar-me em agonia. De abrir os cortinados e respirar certezas. De tomar um duche, e vestir qualquer coisa, sem rodeios. Estou a precisar de sair pela madrugada. Apanhar o destino até a uma praia. Amolecer os pés na fresca areia e ficar lá, horas infinitas. Olhar adiante e sentir o sol a esquentar-me o cabelo. De não olhar às horas e permanecer sem preocupações. Ao final da tarde, regressar sem pressas. Sentir o vento da tarde a dar a dica de regresso às gaivotas. Despedir-me do mar, com certezas de voltar no dia a seguir. Olhar avante e não ter que optar pelo caminho mais perto. Somente para deixar o tempo passar e não seguir destino com urgência. Estou a precisar dos meus dias, da minha paz (interior).

5 comentários:

Anónimo disse...

Claramente que me revejo em cada linha deste desabafo.
Do mesmo modo, escreves muito bem. Parabéns pelo blog. Beijinho querida*

тaтianap disse...

↑ Muito obrigado!

RAQUEL ' disse...

Adorei o que escreveste! :))
Respondendo ao que me disseste: Mas não posso lutar sozinha por uma coisa q deveria ser feita a 2 ..
Obrigada linda!

♛Queen♛ disse...

Muito obrigada! Ajudaste-me a chegar aos 300 seguidores :)
Vou seguir-te de volta e espero ver-te pelo meu cantinho mais vezez.

kowodzpin disse...

" Olhar avante e não ter que optar pelo caminho mais perto. Somente para deixar o tempo passar e não seguir destino com urgência."

mas que fantástico. precisa mesmo de ler algo como isto. fazia-me falta, tal como para ti ver o mar sem preocupações. precisava de desacelerar a vida em busca de um destino traçado meio à pressa. adorei. parabéns. :D